quinta-feira, março 27, 2008

Vírgula

Rua de Cintura do Porto, 16, Armazém B - Lisboa (ao Cais do Sodré)


Já não ia ao Vírgula há uns tempos. Continua em forma, com ofertas gastronómicas tentadoras da gula e com grande competência técnica. Refira-se também um serviço de mesa simpático, competente e atento.
O preço foi compatível com a qualidade. A carta de vinhos é rica e bem estruturada, sem especulação face ao valor do dito e à qualidade da casa e do serviço. Por ali há gosto e respeito pelo vinhos e pelos comensais enófilos.
Desta vez mandei vir, de entrada, camarão grelhado, acompanhado com castanhas e funcho. O animalzinho era fresquíssimo, saboroso e estava no ponto.
Seguiram-se choquinhos com raviolis negros… negros e fresquinhos, a saltar. Do melhor.
Tanto a entrada como o prato foram acompanhados por um branco do Douro, o Dona Berta Rabigato de 2006.Para sobremesa veio um creme brulé de figos, acompanhado pelo Quinta da Romeira Colheita Tardia. Delícia.