sábado, Janeiro 26, 2013

Terra d'Alter Telhas Branco 2010 - e outros (notações)

Isto agora é sempre a andar e com prévio pedido de desculpa a leitores e produtores. Motivos pessoais e profissionais ditaram o atraso na publicação dos textos.
.
O Hotel da Estrela, que funciona também como escola de hotelaria, foi o palco para a estreia do novo topo de gama branco da casa Terra d’ Alter; o Telhas Branco 2010. À prova estiveram ainda outros vinhos, cuja referência será publicada após nota final.
.
Trata-se dum vinho feito exclusivamente com a casta viognier e conheceu 11 meses de estágio em barricas de carvalho francês. No nariz revela manteiga de amendoim, pau de laranjeira, ameixa, pimenta rosa, baunilha e com uma subtil evocação de sal. Na boca mostra-se com frescura, guloso, com bom corpo, criado com notas de damasco e ameixa.
.
O Telhas Branco 2010 tem tudo para encantar. Se não me engano as amigas hão-de gostar, pois tem carácter dum cavalheiro. Não é um homenzarrão, é um cavalheiro bem parecido. Em meu entender vai crescer, dêem-lhe mais dois ou três anos.
.
Embora a generalidade dos vinhos receba apenas notação, não posso deixar de escrever os descritores dos topos de gama tintos:
– Telhas Tinto 2009: no nariz especiarias, nomeadamente erva-doce e pimenta da Jamaica, evocações balsâmicas, violetas, suave rebuçado e um pouco de café. Na boca revelou um embate doce, chocolate preto, taninos elegantes, frescura e envolvência.
– Outeiro Tinto 2010: ainda fechado no nariz, precisado de tempo. Ainda  assim mostrou ligeiro café, um pouco de erva-doce, ameixa em passa, cereja, anis e notas especiadas. Na boca tem doçura, muito macio, boa estrutura, nuance de madeira e compota de figo.
.
.
.
Origem:  Regional Alentejano
Produtor: Terra d’Alter
Nota: 7,5/10
.
Nota: foram também apresentados os vinhos Terra d’Alter Síria 2012 (5/10), Terra d’Alter Alvarinho 2012 (5/10), Terra d’Alter Reserva Branco 2011 (5,5/10), Terra d’Alter Alfrocheiro 2011 (5/10), Terra d’Alter Touriga Nacional 2010 (5,5/10), Terra d’Alter Reserva Tinto 2010 (6/10), Telhas Tinto 2009 (7,5/10) e Outeiro Tinto 2010 (8/10).

Sem comentários: